MKT ESPORTIVO

MKT ESPORTIVO

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Austrália considera trocar datas dos GPs de F1 e MotoGP

Por: Redação.. 23 de Fevereiro de 2021

Uma troca permanente de datas entre as corridas de Fórmula 1 e de MotoGP da Austrália está sendo considerada para 2022 em diante.

Os dois eventos, ambos administrados pela Australian Grand Prix Corporation (AGPC), tradicionalmente ficam em extremos opostos de seus respectivos calendários, com Albert Park abrindo a temporada de F1 em março e Phillip Island recebendo a MotoGP em outubro.

O melhor do marketing esportivo está aqui.

Leia também: Fórmula 1 mantém aposta nos Estados Unidos.

No entanto, as medidas de restrições às viagens devido ao Coronavírus forçaram o adiamento da corrida da categoria máxima do automobilismo deste ano, sendo agendada para o dia 21 de novembro, quatro semanas depois da corrida de MotoGP.

De acordo com o chefe da AGPC, Andrew Westacott, essa mudança abriu uma ‘porta’ para uma grande reformulação em termos de cronograma para ambos os eventos.

Westacott disse que agora existem quatro opções quando se trata de agendamento para 2022 em diante, uma delas é efetivamente uma troca entre os eventos de F1 e MotoGP.

Isso manteria uma certa distância entre os dois, importante tanto para o gerenciamento de cada evento quanto para a venda de ingressos, e atenderia aos pedidos regulares dos pilotos para mudar a etapa da Phillip Island para o outono em busca de um clima melhor.

Ainda não há garantias de que as corridas irão acontecer este ano, com as fronteiras da Austrália fechadas para o resto do mundo.

Qualquer pessoa que entre no país ainda está sujeita a 14 dias de quarentena em hotéis, uma prática que dificilmente será abandonada até que as vacinas estejam em um nível significativo de circulação mundial.

O programa de vacinação da Austrália começou na segunda-feira (22), e deve ser concluído em outubro.

Melbourne conseguiu sediar neste mês seu primeiro evento internacional desde o início da pandemia, o torneio de tênis Australian Open, mas, antes, os competidores tiveram que passar por uma quarentena completa de duas semanas.

Westacott disse que a experiência e aprendizados com o tênis, bem como o progresso na área de vacinas, o deixaram confiante de que o paddock da F1 chegará à Melbourne em novembro.

 

Tags: automobilismo | MotoGP | gp-de-f1